gtag('config', 'G-9B0M99RTN0'); Certificados Covid-19, o que são? | APOIARE

O Certificado Verde Digital é de de uma forma simplista, um livre-trânsito digital criado essencialmente para as pessoas de viajam na UE.
Quem já foi vacinado ou tenha já recuperado da COVID-19 poderá circular “livremente”, mas para isso é necessário um documento que ateste tal situação.

Esse documento digital “Certificado Verde”, estará disponível gratuitamente também em papel, e disponibilizado na (s) língua (s) oficial (ais) do Estado-Membro de emissão e em inglês.

Assim, já pode pedir através do portal do SNS24  os Certificados Covid-19:

  • VACINAÇÃO – certificados digitais de vacinação contra a Covid-19 (pessoas já vacinadas)
  • TESTE – certificados de teste PCR negativo – O certificado de teste é emitido após notificação no Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica (SINAVE) de resultado negativo em testes PCR e testes moleculares rápidos. Os resultados são válidos durante 72 horas desde a data e hora de colheita.
  • RECUPERAÇÃO – certificados de recuperação da doença – O certificado digital de recuperação, segundo a orientação da DGS, é emitido entre os 11 e 180 dias após realização de teste laboratorial que confirmou o diagnóstico de infecção por SARS-CoV-2, a pessoas com o estado “curado” na plataforma ‘Trace-COVID-19’.

Para obter estes Certificados, basta aceder ao portal do SNS 24, seguir as instruções e escolher o tipo de certificado que pretende.

Após validação do pedido, o documento é disponibilizado no portal ou pode ser enviado, posteriormente, para o email indicado, sem quaisquer custos associados.

De acordo com o Regulamento Europeu do Certificado Digital, os sistemas europeus de verificação devem estar todos em vigor a partir do dia 1 de julho.

Que informação consta nestes certificados?

Segundo a DGS, a documento tem um código QR com os dados essenciais necessários e que é utilizado “para verificar de forma segura a autenticidade, integridade e validade do certificado”, o documento terá informações como “o nome, a data de nascimento, a data de emissão e informações pertinentes sobre a vacinação, teste ou recuperação”.

Os certificados podem ser usados em todos os estados-membros, bem como na Islândia, Liechtenstein, Noruega e Suíça.

Cuide-se, cuidando também os outros.