YouTube disponibiliza 5 canais para aulas de todos os ciclos. Conheça-os

Plataforma criada assente no YouTube permite que os professores disponibilizem as suas aulas, possibilitando que estas fiquem acessíveis à comunidade educativa alargada.

O Ministério da Educação informa esta terça-feira que o #EstudoEmCasa chega ao YouTube através de cinco novos canais, com aulas para crianças e jovens do ensino pré-escolar ao ensino secundário.

“Num momento em que as actividades lectivas presenciais estão suspensas”, sublinha a tutela em comunicado, “multiplica-se a oferta de conteúdos pedagógicos, para lá da resposta via televisão concebida para os alunos do ensino básico, a qual será formalmente apresentada amanhã, quarta-feira”.

Os cinco canais são resultado da parceria entre o Ministério da Educação, YouTube e Thumb Media. Trata-se de uma plataforma que permite que os professores disponibilizem as suas aulas, possibilitando que elas fiquem acessíveis à comunidade educativa alargada. Os conteúdos leccionados nos canais serão validados pela Direcção-Geral da Educação (DGE), esclarece o Governo.

Assim, os professores que pretendam disponibilizar as suas aulas nos cinco novos canais, passam a integrar a ‘Comunidade YouTube –#EstudoEmCasa‘.

Nos próximos dias 16 e 17 de abril, informa ainda o ministério tutelado por Tiago Brandão Rodrigues, estes docentes poderão participar numa sessão online, “cujo objectivo é capacitá-los com as metodologias que melhor se adequam à plataforma” Para isso, “contarão como apoio de técnicos das entidades parceiras”.

No YouTube os canais poderão ser encontrados fazendo a pesquisa por: DGE #EstudoEmCasa, ou nos seguintes links:

Pré-Escolar: https://www.youtube.com/channel/UChcfiTs4sqjwRS6fzaxKyog

1º Ciclo: https://www.youtube.com/channel/UCTzWCFMxJ4wWmWlh-Gzewfg

2º Ciclo: https://www.youtube.com/channel/UCyhocJbYZIOehpISd7yyNqQ/

3º Ciclo: https://www.youtube.com/channel/UCmweZLU2OEU-FOBtLBLJ84w/

Secundário: https://www.youtube.com/channel/UCJdh52Zkf0u0qvYOfCWd3gg

O Governo esclarece ainda que estes canais irão também incorporar os conteúdos que vão passar na televisão, para que fiquem acessíveis sempre que professores e alunos precisarem.

Depois de as escolas terem encerrado a 15 de março devido à pandemia de Covid-19, o terceiro período arrancou esta terça-feira com aulas à distância, um modelo que pais, directores escolares e professores acreditam poder funcionar melhor agora.

 

fonte: https://www.noticiasaominuto.com 14/04/2020